Tampas da bateria e do capacitor

A vedação vidro-metal revelou-se uma tecnologia altamente confiável na produção de tampas para baterias e capacitores capazes de suportar temperaturas extremas, corrente elétrica, variações de pressão e produtos químicos corrosivos. As tampas com vedação vidro-metal da SCHOTT podem ser projetadas para atender a requisitos específicos, tais como química da bateria sensível à umidade, eletrólitos corrosivos de capacitores e altas correntes elétricas. A versatilidade e a durabilidade das vedações vidro-metal as tornam ideais para uma ampla variedade de baterias de lítio, capacitores e ultracapacitores.
Tampas para baterias primárias de lítio Tampas para baterias primárias de lítio Tampas para baterias primárias de lítio Tampas para baterias primárias de lítio
  • Tampas para baterias primárias de lítio
  • Tampas para baterias primárias de lítio
  • Tampas para baterias primárias de lítio
  • Tampas para baterias primárias de lítio

Tampas para baterias primárias de lítio

As tampas para baterias hermeticamente vedadas da SCHOTT permitem o desempenho duradouro das baterias primárias de lítio, mesmo em aplicações em ambientes agressivos.

  • Disponibilidade das tamanhos padrão de células AA, até C e D.
  • Designs personalizados (cilíndrico e prismático).
  • Resistência a altas temperaturas, variando de -65°C a mais de +150°C. 
  • Vidro resistente a eletrólitos patenteado especialmente desenvolvido para produtos químicos primários de lítio, incluindo lítio-cloreto de tionila (Li-SOCL2), lítio-dióxido de manganês (LiMO2), dióxido de enxofre de lítio (LiSO2) e muito mais. 
  • A vedação hermética evita, de forma confiável, a entrada de umidade na carcaça da célula e o vazamento do eletrólito. 

As tampas para baterias da SCHOTT têm a confiança da indústria de baterias em todo o mundo, com uma vida útil comprovada de até 25 anos ou mais.

MiniCaps SCHOTT® MiniCaps SCHOTT® MiniCaps SCHOTT® MiniCaps SCHOTT® MiniCaps SCHOTT® MiniCaps SCHOTT®
  • MiniCaps SCHOTT®
  • MiniCaps SCHOTT®
  • MiniCaps SCHOTT®
  • MiniCaps SCHOTT®
  • MiniCaps SCHOTT®
  • MiniCaps SCHOTT®

MiniCaps SCHOTT®

As tampas para microbaterias são miniaturizadas, extremamente finas e robustas. Elas permitem designs completamente novos de microbateria com maior densidade de energia para uso em itens vestíveis, como fones de ouvido sem fio, óculos de realidade aumentada, fitness trackers, bem como em aplicações médicas e industriais.

  • Design de tampa extremamente plana – mais fina e mecanicamente mais robusta do que o padrão atual
  • Cria espaço para mais eletrólitos 
  • Tampa e pinos feitos de aço inoxidável
  • Resistência a altas temperaturas, de -40 °C a mais de 125 °C
  • Vedação vidro-metal resistente a eletrólitos
  • Diâmetros da tampa personalizados 
  • Para microbaterias de células tipo moeda e tipo pino
 

AS VANTAGENS PARA VOCÊ

Com seu design extremamente plano, os SCHOTT® MiniCaps criam um espaço extra para mais eletrólitos nas células, em comparação com as tampas convencionais com vedação de polímero. Isso permite que os fabricantes de células de bateria projetem células minúsculas e robustas com tempo de funcionamento prolongado da bateria.

 
Tampas para baterias de íon de lítio Tampas para baterias de íon de lítio Tampas para baterias de íon de lítio Tampas para baterias de íon de lítio
  • Tampas para baterias de íon de lítio
  • Tampas para baterias de íon de lítio
  • Tampas para baterias de íon de lítio
  • Tampas para baterias de íon de lítio

Tampas para baterias de íon de lítio

As tampas para bateria da SCHOTT estão disponíveis em designs de aço inoxidável com vedação de vidro ou vedação vidro-alumínio (SCHOTT GTAS®).

  • Design da tampa simplificado e robusto.
  • Resistência a altas temperaturas, variando de -60°C a mais de +150°C, dependendo do design.
  • Vedação de vidro exclusiva e resistente a eletrólitos desenvolvida especialmente para uma ampla variedade de produtos químicos de baterias de íon de lítio.
  • O design resistente ao tempo e totalmente hermético impede a entrada de umidade na carcaça da célula.
  • Vida útil de até 25 anos.
Tampas para ultracapacitores Tampas para ultracapacitores Tampas para ultracapacitores Tampas para ultracapacitores
  • Tampas para ultracapacitores
  • Tampas para ultracapacitores
  • Tampas para ultracapacitores
  • Tampas para ultracapacitores

Tampas para ultracapacitores

Os sistemas de tampa para ultracapacitores com vedação vidro-alumínio da SCHOTT (SCHOTT GTAS®) oferecem:

  • Resistência a altas temperaturas, variando de -40 °C a mais de +125 °C. 
  • Vedações de vidro resistentes ao tempo e a eletrólitos que eliminam a secagem de eletrólitos.
  • Até 20% de redução no volume do eletrólito.
  • Redução de perdas de capacidade ao longo do tempo em até 60%.
  • Melhoria da resistência interna em mais de 50%.

Os ultracapacitores agora são aplicados para uso em larga escala, como veículos elétricos que dependem desses componentes, pois têm áreas de armazenamento de carga muito maiores do que os capacitores padrão.

As aplicações de alta potência e energia renovável também utilizam ultracapacitores. Essas aplicações impulsionaram a demanda por componentes potentes e leves que requerem pouca ou nenhuma manutenção, são capazes de operar em ambientes agressivos em uma ampla faixa de temperaturas de operação e têm alta densidade de potência, além de alta confiabilidade. As tampas herméticas da SCHOTT permitem novos designs de ultracapacitores que ampliam ainda mais os limites da inovação.

Tampas para capacitores eletrolíticos de alumínio Tampas para capacitores eletrolíticos de alumínio Tampas para capacitores eletrolíticos de alumínio Tampas para capacitores eletrolíticos de alumínio
  • Tampas para capacitores eletrolíticos de alumínio
  • Tampas para capacitores eletrolíticos de alumínio
  • Tampas para capacitores eletrolíticos de alumínio
  • Tampas para capacitores eletrolíticos de alumínio

Tampas para capacitores eletrolíticos de alumínio

As tampas com vedação vidro-alumínio da SCHOTT (SCHOTT GTAS®) para capacitores eletrolíticos de alumínio oferecem:

  • Resistência a altas temperaturas, variando de -40 °C a mais de +125 °C.
  • Vedações de vidro resistentes ao tempo e a eletrólitos que eliminam a secagem de eletrólitos.
  • Até 20% de redução no volume do eletrólito.
  • Redução de perdas de capacidade ao longo do tempo em até 60%.
  • Melhoria da resistência interna em mais de 50%.

Fazendo uso desses recursos, os desenvolvedores de capacitores podem projetar capacitores menores com longa vida útil, mesmo para aplicações com altas faixas de temperatura.

Quer saber mais? Vamos conversar

Caso precise de mais informações, amostras, um orçamento ou conselhos para um projeto, teremos o maior prazer em falar com você.

Contate-nos
Claire Buckwar

Chefe de campo estratégico de negócios (Strategic Business Field, SBF)